Viagem

CRUZEIRO - MSC Preziosa.

Viagem

Gramado -RS.

Viagem

Bariloche.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

3 de março de 2015

Shows nos Cruzeiros MSC


           Os cruzeiros variam de acordo com a companhia - Pullmantur, MSC, Costa, Royal Caribbean, etc - e mantém a estrutura básica em casa uma delas, não importando o navio. Por exemplo, cruzeiro feitos no Zenith ou no Empress - ambos da Pullmantur - serão muito parecidos quanto à alimentação, shows, atividades oferecidas, diário de bordo, etc; o mesmo se aplica à MSC, Fizemos o MSC Preziosa em janeiro de 2014 e o MSC Poesia em janeiro de 2015, e os navios diferenciam-se muito pouco, o que a meu ver é bom pois adorei a companhia. 


            Vamos aos shows. Como já disse sobre o Preziosa aqui, os shows nos navios da MSC são são o melhor que a companhia tem a oferecer, são muito rápidos não passando de 30 minutos, porém os figurinos e cenários são deslumbrantes e há números que realmente empolgam o público. É ver para crer, digo isso pois já comentários dizendo que nunca 'perdeu tempo' para assistir aos shows aproveitando-o em outras atividades do navio. Pode ser, mas não acho que seja para tanto, os shows valem a pena sim.


             Admito que não assisti a todos, não fui ao da primeira noite e da noite italiana, mas fui na última noite - The Best of...- que é anunciado como um pot-pourri dos melhores momentos, pois havia números que eu gostaria de rever. Os shows são uma mistura de Broadway com Cirque du Solei com figurinos riquíssimos nos números musicais que se intercalam com números de força, equilíbrio e malabarismo. Como os artistas são diferentes de navio a navio, algumas atrações também mudam: o MSC Preziosa tinha uma bailarina clássica que prendia o olhar, já o MSC Poesia empolgava com os números de um mágico italiano.


             Fiz o Ship Tour (passeio nos bastidores do navio) e as informações passadas nesse setor foram que os shows ficam em cartaz por volta de 2 anos e não são trocados todos de uma vez, ou seja, quem viajar no mesmo navio nesse período poderá encontrar em cartaz os mesmos shows. Outra informação interessante é que procuram variar tanto as apresentações quanto a nacionalidade dos artistas para agradar passageiros de todo o mundo, pois apenas quando estão no Brasil há uniformidade entre a nacionalidade dos passageiros; na Europa, por exemplo, embarcar no mesmo cruzeiros pessoas de diversos países.
             Há também um show infantil que acontece em uma das tardes, bem curtinho, mas caprichado para as crianças, que quase ninguém assiste. Uma pena! Eu fui nos dois cruzeiros que fiz com a MSC, coloquei alguns trechos em um vídeo no nosso canal do Youtube.


              Enfim, mesmo sem achar que os shows sejam o melhor dos navios da MSC, eu não os considero dispensáveis. Se for para escolher apenas um deles, que seja o da penúltima noite, em que acontece a apresentação de toda equipe, o show é mais longo e mais caprichado, fica reservado para esta noite o melhor que os artistas têm a oferecer. No Preziosa, o show foi Avatar e no Poesia, Mágico de Oz. Após o show, os artistas ficam na entrada do teatro para fotos com os passageiros. Tanto esforço tem uma explicação: essa é a noite em que os formulários de avaliação sobre o cruzeiro são entregues nas cabines. Entendeu?
                    O vídeo abaixo tem alguns trechos. Tire suas conclusões:



Veja também o show infantil em nosso canal do Youtube.

1 de março de 2015

Sorteio do Dia da Mulher

             Amigas, 08 de março é o nosso dia e para comemorar o Dia da Mulher tem um sorteio bem feminino para as seguidoras do blog, pois somos fortes, independentes, seguras, mas jamais perderemos a vaidade. O presente é um robe florido, um short doll de coton e um gloss da Victoria's Secret. 
               Basta ser seguidor(a) do blog.






Mais informações:
- Inscrições até 07/03/2015.
- O sorteio será feito e divulgado no domingo 08/03/2015 via Sorteios PT.
- O ganhador será contactado via e-mail para enviar seu endereço postal no Brasil.
- Inscrições de não-seguidores serão desconsideradas.




28 de fevereiro de 2015

Rosedal - Buenos Aires


          Só fui conhecer o Rosedal em minha terceira visita a Buenos Aires. Imaginava que para caminhar por um jardim cheio de rosas não era preciso viajar tanto, mas me surpreendi pois o lugar é cheio de encantos. Eu me lembrei das rosas do Pequeno Príncipe. Visitamos em janeiro, que não é a época de todo esplendor dos canteiros, mesmo assim estavam lindos. 


                Além dos canteiros, o Rosedal tem fontes, pontes charmosas e um lago cheio de patos onde também há pedalinhos. A dica é levar pão ou bolacha salgada para esfarelar e jogar para os patos, as crianças adoram e os adultos não resistem a apreciar os bichinhos vindo em direção à comida. Eu tinha dois pacotinhos de Clube Social na mochila que fizeram a alegria de minhas filhas.


               O Rosedal tem entrada gratuita e fica bem próximo ao zoológico e ao jardim japonês. Se for a um dos dois, vale a pena dar uma passadinha: é grátis e rápido, embora a vontade seja de ficar por ali aproveitando a sensação de paz do lugar. Quem estiver no zoológico pode seguir até o Rosedal de charrete (ficam próximas aos portões do zoo) e quem estiver no Jardim Japonês chega a pé em uma rápida caminhada. Nós fizemos o caminho inverso: fomos caminhando do Rosedal ao Jardim Japonês. Foram tantas fotos que achei difícil escolher algumas para a postagem, por isso fiz um vídeo com várias delas.


24 de fevereiro de 2015

Sabores da MSC Cruzeiros

Hummm!!!

Pratos do Il Paladio, no MSC Poesia
             Os jantares nos navios da MSC Cruzeiro são uma atração em si mesmos. A comida é muito boa, chefs italianos, ingredientes importados e nacionais e a tentativa de se adequar ao paladar brasileiro. As imagens falam por si mesmas.
            Mesmo assim às vezes circulam comentários de que a comida não é boa, não imagino o que essas pessoas comeram, já que as opções são muitas. Os navios da MSC possuem no mínimo dois restaurantes a la carte e um buffet, que fica no mesmo deck da piscina. O turno do jantar é escolhido na compra do pacote: o 1º turno por volta das 20h e o 2º turno por volta das 22h. Tanto o turno quanto o restaurante do jantar estarão marcados em seu cartão de embarque.


              O almoço e o café da manhã são servidos no buffet e em um dos restaurantes a la carte, em horários previamente estipulados no diário de bordo. Além disso há os restaurantes temáticos pagos a parte, no Poesia, por exemplo, há o Kaito de comida japonesa; no Preziosa e em outros navios da MSC encontram-se unidades da rede internacional Eataly. Seja no buffet ou nos demais restaurantes, o menu tem opções para agradar a todos os paladares, mas se as descrições não estiverem atrativas peça arroz, feijão, batata frita e frango ou carne grelhados. São bem feitos e têm o sabor do Brasil.
             Para quem prefere a informalidade do buffet, recomendo um esforcinho ao menos nos dois melhores jantares: o da noite italiana e o da penúltima noite, em que é apresentada toda a equipe no teatro e no restaurante.


              No buffet, a comida é servida durante 20h, desde o café da manhã madrugador até a pizza da madrugada. Durante todo o tempo há chá, café e leite em cápsulas. Na minha opinião a comida é deliciosa e há itens de um navio italiano que não podem ser esquecidos: as massas, os sorvetes e os vinhos a preços especiais. Os nossos preferidos são o Bonarda e o Lambrusco, ambos da vinícola Casabella. 
         Ao mesmo tempo que leio pela internet comentários de que a comida não é boa, leio as reclamações de quem voltou com 1 ou 2 quilos a mais. Acho os últimos comentários mais coerentes. O que as imagens lhe dizem?  
Leia também:

22 de fevereiro de 2015

O blog de cara nova e um pouquinho de sua história


              Em entrevista ao jornal Folha de São Paulo, Lygia Fagundes Telles declarou ter tirado a inspiração para o protagonista de seu primeiro livro infantil - Eu, o gato - de uma sacola de papel, vinda de uma farmácia de Frankfurt, durante a Feira do Livro de 1994. O que isso tem a ver com o blog?
           Eu vivenciei essa mesma sensação e por isso me lembrei da história que já era velha conhecida. Comigo foi um pacote de macarrão que inspirou a troca do template do blog.


                Entrei em um mercadinho do Barrio Chino (Bairro Chinês), em Buenos Aires, e me deparei com pacotes de macarrão de diversos temas: animais, brinquedos, espacial... e entre eles "viagens". Meu marido ficou incrédulo quando me viu com o pacote em mãos: "Você vai levar macarrão!?". Sim, eu trouxe o macarrão e uma vontade louca de mexer na aparência do blog colocando doodles que se parecessem com ele. O resultado vocês estão vendo.


               O "De Turista a Viajante" completa 5 anos em julho e esse é o quarto template que carrega. O primeiro foi criado por impulso, na ociosidade das férias de julho/2010, com os recursos oferecidos pela plataforma do blogspot.


              Em menos de um ano (abril/2011), quando eu já estava gostando muito da brincadeira, resolvi trocar e encontrei em um template com tema da Austrália as cores e imagens que eu procurava. Nada a ver com minhas viagens? Isso mesmo, mas foi por este que me encantei, tinha até coalas marcando cada início de postagem.


               O terceiro template chegou depois de minha viagem aos Estados Unidos, em janeiro 2013,  e o encantamento inevitável por New York. Porém eu não queria mudar radicalmente e procurei por algo que não impactasse essa mudança. Acho que os menos atenciosos nem notaram as alterações.


                Sobre o template atual, a história está contada, só falta dizer que o macarrão não era só bonitinho, era saboroso também e, além de parte do template, se transformou em uma sopinha deliciosa.