Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

9 de setembro de 2010

Se Goiânia não tem mar...

... vamos pro bar! Ou pro Shopping, ou para os parques da cidade... enfim para qualquer lugar onde seja possível amenizar o calor, pois Goiânia realmente é uma cidade muito, muito quente!

Parque dos Buritis - Goiania - Goiás
Bosque dos Buritis

         Não imaginei que a baixa umidade do ar fosse tão perceptível, mas é! Estive em Goiânia no início de setembro, quando os termômetros marcavam temperatura de 35º e umidade do ar em 15%. Comentando sobre o calor com um taxista, ele disse que ali ninguém consegue transpirar. Comprovei que realmente é verdade, fiquei curiosa e fui pesquisar o porquê. Encontrei na internet a explicação de que 'o clima seco faz com que nem percebamos o suor e apesar de transpirarmos, a água que sai do nosso corpo é absorvida pelo ambiente deixando, por exemplo, a pele ressecada.'
Então muita água, hidratante corporal, protetor solar, soro fisiológico no nariz e vamos aproveitar a capital de Goiás que não é uma cidade turística, mas é linda e deve ser ótima para se viver, pois não ouvi reclamação alguma de seus moradores.
        Fui a Goiânia para um compromisso específico e quis conhecer um pouquinho durante os 2 dias em que estive por lá. Fiquei no hotel Augustu's Plaza Inn, bem no centro da cidade. Não é dos mais modernos, mas é confortável, limpo, com um bom café da manhã e internet grátis na recepção.
           Goiânia tem muitos shoppings, parques e claro... bares, onde a maioria das mesas fica na calçada ajudando os clientes a se refrescarem. O Bosque dos Buritis é um lugar muito agradável; era o mais próximo do hotel e por isso o elegemos para uma visita. Em 2 dias não deu pra entender o sistema de transporte coletivo, por isso usamos muito táxi. As corridas variavam entre R$15 e R$20, em distâncias de 5 a 7 km.
             Com os taxistas aprendi (além da questão da transpiração) que a brisa só dá um refresco para a cidade depois das 19h, que o trânsito meio louco faz com que tenham fama de maus motoristas, que existe certa rincha entre os moradores da capital goiana e de Brasília, que no Distrito Federal quando alguém faz alguma bobagem no trânsito já gritam "ô, goiano!", que a culpa de não sediarem os jogos da Copa do Mundo de 2014 é do aeroporto...
     Aliás o aeroporto é um verdadeiro caos: pequeno, desorganizado, tumultuado, com som às vezes indecifrável. Vi uma mulher chorando, com o bilhete de embarque em mãos. Tinha perdido o voo porque não ouviu o chamado dentro da sala de embarque. A cidade merece mais, com certeza.
            
logo mala

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E você? O que pensa sobre isso?
Os comentários anônimos estão sujeitos à moderação.