Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

11 de outubro de 2010

Passaredo - último capítulo

Aeronave da Passaredo Linhas Aéreas             A novela durou exatamente um mês: de 06/09 a 06/10. Mas enfim terminou com final feliz.

            * Primeiro Capítulo: voo de Brasilía a Ribeirão Preto cancelado e remarcado para 27 horas depois.
             * Segundo Capítulo: 2 dias tentando falar com a loja de Brasilía, sem sucesso, para saber em que hotel me acomodariam devido ao cancelamento.
            * Terceiro Capítulo: Como não houve manifestação da empresa, decidi ficar no hotel em que já estava hospedada (Mercure Líder) por mais um dia e meio e brigar por meus direitos quando chegasse em casa.
           *Quarto Capítulo: Já em casa, entrei em contato com o SAC, expliquei o ocorrido e começou a enrolação. Primeiro pediram que eu enviasse por e-mails os notas de meus gastos digitalizadas. Enviei os gastos comprovados com hotel, telefonemas, alimentação e estacionamento do aeroporto.Total R$320,00.
           * Quinto Capítulo: Por e-mail, recebi a resposta de que a empresa cumpriu com tudo que é previsto em lei (???), "mas" visando a satisfação do cliente estavam me oferecendo o valor de R$320,00 em vale-voucher com validade de 1 ano.
           * Sexto Capítulo: Respondi que não aceitava, que queria o valor em dinheiro e entrei em contato com a Anac para saber se eu era obrigada a ceitar essa proposta. Não souberam responder.
           * Sétimo Capítulo: A Passaredo concordou em fazer o depósito em conta e para isso me enviou um acordo extremamente mal redigido e formatado que assinado por mim e com o valor devidamente estornado, encerraria a questão. Corrigi, formatei o texto e devolvi assinado e digitalizado.
           * Oitavo capítulo: Achei que terminasse aqui, no dia seguinte o dinheiro entraria na conta e fim. Mas recebi um e-mail comunicando que o depósito estava previsto para o dia 06/10, um mês depois da data do voo cancelado.
           * Capítulo final: no dia previsto, o valor de R$320,00 foi depositado.

           Muito chato esse post, né! Eu sei, mas tinha que ser. Só assim para mostrar o quanto é difícil conseguir os direitos que estão "garantidos" por lei. A impressão que tenho é que tentam nos vencer pela canseira e deve funcionar em alguns casos, porque realmente é bem cansativo!
           Meu marido já estava querendo "deixar pra lá" outros gastos e tentar receber só valor do hotel. Fui eu que insisti: "Eu quero tudo que gastei. É meu direito e vou receber."
           Se fôssemos um país bem informado, com um povo consciente de seus direitos, muitos advogados ficariam desempregados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E você? O que pensa sobre isso?
Os comentários anônimos estão sujeitos à moderação.