Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

30 de janeiro de 2011

Recordar é viver

Diário Catarinense. Segunda-feira, 24 de janeiro de 2000.

Recorte de jornal do Diário Catarinense

              Escrevendo sobre Balneário Camboriú no tópico anterior foi impossível conter as recordações de quando estive lá, pela primeira vez, no ano 2000 e trouxe como lembrança esse recorte de jornal. Essa, no centro da foto, de maiô preto e chapéu sou eu! Como fui parar aí? rs
        Bem, viajei em excursão, horas e horas de ônibus até Santa Catarina. Estávamos na praia, jogando conversa fora quando chegou uma dupla perguntando se éramos brasileiros. Naquela época a desvalorização do real fazia com que Balneário Camboriú se enchesse de argentinos. Diante de nossa resposta afirmativa e desconfiada, eles se apresentaram como fotógrafo (Caio Cezar) e jornalista (André Guillamelau) do Diário Catarinense, pedindo para tirar uma foto nossa e fazer uma entrevista. Ninguém acreditou. E eles insistindo, pois diziam que precisavam entrevistar um brasileiro e só encontravam grupos de argentinos. Só depois de mostrarem as credenciais e insistirem um pouquinho mais, acabamos concordando.
          No dia seguinte, o colega da foto foi o primeiro a se levantar. Acho que chegou na banca antes do próprio jornal e lá estávamos nós sob a manchete: "Turista lota Balneário Camboriú". O texto falava sobre as praias lotadas, apesar do relatório de balneabilidade que indicava 10 pontos poluídos, entrevistava turistas argentinos e brasileiros e também vendedores que previam que aquela seria a melhor temporada que a cidade já havia tido.

A legenda da primeira foto é: FORMIGUEIRO: É difícil encontrar um lugar vago na areia, principalmente em finais de semana quentes e ensolarados.

A legenda de nossa foto: FESTA: A dentista Alesandra Ribeiro (D) veio em excursão de Barretos (SP) e diz que não troca cidade por nenhuma outra.


Fiquei feliz por ter guardado o recorte. Trouxe boas recordações.

2 comentários:

  1. fIQUEI MUITO CONTENTE EM LER ESTE TEXTO POIS ME AJUDOU A RECORDAR AQUELES ÓTIMOS TEMPOS DO DIÁRIO CATARINENSE. AGRADEÇO, COM ATRASO, PELA BELA LEMBRANÇA DESTA BELA FAMÍLIA. ABRAÇOS E FELICIDADES. ANDRÉ GUILLAMELAU

    ResponderExcluir
  2. André, que honra seu comentário no post. Felicidades a você também.

    ResponderExcluir

E você? O que pensa sobre isso?
Os comentários anônimos estão sujeitos à moderação.