Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

30 de maio de 2011

Sempre Beach Park

         O Beach Park é o único passeio fora da cidade de Fortaleza que repeti nas 5 vezes que estive na capital cearense. Conhecer é imperdível, voltar é uma opção. Não há dúvidas de que seja o melhor parque aquático do Brasil, por isso vale a visita mesmo para quem não vai se aventurar nas atrações mais radicais.

Beach Park - Fortaleza - CE
1996, 2004, 2007, 2009, 2011


           Há atrações para todos os gostos e idades. A que mais chama a atenção é o toboágua 'Insano' que tem 41 metros de altura. É preciso coragem, eu nunca tive, mas vi uma senhora de quase 70 anos descendo. Chegou à base sob aplausos de quem assistia e repetiu a aventura outras vezes. Quem quiser só relaxar pode optar pela piscina de ondas, pelas bóias, pela Correnteza Encantada ou pelos toboáguas mais suaves como os do Ramubrinká que são os meus preferidos.

Beach Park - Fortaleza - CE
2004, 2007, 2009, 2011

     As crianças que já se divertiam muito no Acqua Show, principalmente com o balde gigante, agora têm uma atração planejada principalmente para divertir os menores, o Acqua Circo, que foi recentemente inaugurado onde antes existia um cenário sem muita serventia chamado de Portal de Atlantis. As minhas são criOnças, já passaram dos 11 anos e mesmo assim não resistem ao colorido das atrações infantis. Ao todo são 19 atrações, das moderadas às mais radicais.

Beach Park - Fortaleza - CE

         O Beach Park inclui além do Aqua Park, dois resorts, a praia, loja de lembranças, restaurantes entre outros itens que constituem a estrutura do complexo. Pode-se entrar e sair do parque quantas vezes quiser, pois tudo no entorno faz parte do complexo, não existem outras opções por ali. 


      O Beach Park sempre foi o carro-chefe para apresentar o Ceará para os turistas, mas desta vez senti que as coisas estão mudando. Contratei o transfer aeroporto/hotel/aeroporto com a Olivestur/CVC e já nesse primeiro contato, a guia de turismo citou o parque explicando que o passeio (que antes era feito no primeiro dia) foi deixado para o último dia de estadia em Fortaleza, 'pois assim os turistas não se assustam com os preços e não ficam achando que tudo no Ceará é caro do mesmo jeito'. A sugestão dela era que conhecessem as praias do Ceará e, se sobrasse dinheiro até terminar a semana, fossem ao Beach Park. 
          O guia de uma outra agência local respondeu a um turista que pedia sua opinião: 'O Beach Park é inesquecível, você jamais esquecerá o que gastou lá dentro.' Comentários desse tipo deixam claro que está havendo um certo boicote das agências de receptivo em relação ao Beach Park. Deixar para o último dia, além de ser pouco convidativo, impossibilita que o turista compre o passaporte de 3 dias consecutivos por R$159,00. Sem contar a ênfase dada ao fato de que não há nada para se fazer na praia do complexo, ou seja, quem não pretende entrar no Aqua Park, nem vá.
       Entre o que se anuncia e o que é verdadeiro há uma boa distância. A explicação mais coerente que ouvi foi que justificando-se através da mesma 'lei'(?) que determinou a retirada das barracas de praia da orla de Salvador, o Beach Park adiantou-se a uma possível determinação judicial e modificou sua estrutura de praia. Com isso, os turistas ficaram sem opção e o receptivo da CVC foi obrigado a modificar seu City Tour que terminava ali. Além disso, outras empresas de receptivo, que cobram R$25,00 pelo transfer até o complexo, perderam os clientes que não querem entrar no Aqua Park.
      Bom, vá e tire suas próprias conclusões. Em Aquiraz, município onde se localiza o Beach Park, também fica a Prainha que tem o Centro de Tapioqueiras, com tapiocas de todos os sabores doces e salgados. O guia brincou que se alguém pedir tapioca de feijão, elas fazem. É um programa para quem estiver de carro ou fizer um passeio com os bugueiros que ficam pela praia.


Divirta-se!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E você? O que pensa sobre isso?
Os comentários anônimos estão sujeitos à moderação.