Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

10 de setembro de 2011

Eu viajei de Webjet

                  
Aeronave da Webjet
                  A Webjet virou piada na aviação brasileira por ser a primeira a cobrar pelo serviço de bordo. Na minha volta de Brasília a Ribeirão Preto pude conferir como isso funciona (ou não).
                  Uma semana antes de viajar, tinha assistido ao show Improvável, com Os Barbixas, no teatro Pedro II. Disseram que vida de artista é difícil, às vezes se viaja de avião, outras se viaja de Webjet. Se você diz 'bom dia', a comissária olha desconfiada e pergunta: 'O senhor adquiriu seu web-bom-dia'? E a viagem se torna mais perigosa porque em caso de despressurização da cabine, webmáscaras só cairão após o pagamento. Piadas a parte, quando fui fazer o check-in e a atendente disse 'bom dia', comecei a rir sozinha.
                  Os Barbixas exageram, não é preciso pagar pelo bom dia, mas ele vem acompanhado do cardápio com os preços, entregue na entrada da aeronave. Tudo é pago e em dinheiro, nada de cartão. Grátis nem água, a garrafa de 300ml custa R$3,00. Um combo de lanchinho, refrigerante e chocolate: R$18,00. Numa viagem de apenas 50min dispensei todas as opções.
                  Para quem quer exercitar o consumismo mesmo no ar, há a revistinha da WebShopping que as comissárias sugerem que seja levada para casa para que o pasageiro analise as grandes promoções. Ah, os comissários(as) são um capítulo a parte. Enquanto em todas as outras empresas as comissárias estão impecavelmente penteadas, maquiadas e uniformizadas; na Webjet o uniforme é calça comprida preta e uma camiseta babylook verde. Até aí tudo bem, se isso serve para baratear a passagem, mas cabelo solto para quem vai servir alimentos, eu acho inadimissível.
                  Vamos ver o que muda e o que se mantém com a junção com a Gol, mas no momento acho que a companhia está estrapolando na ideia de fazer o passageiro se sentir a vontade. Veja o vídeo:




Um comentário:

  1. Nossa! Realmente estrapolaram.
    Tornou-se uma grande palhaçada. Fiz apenas uma viagem pela WebJet de Salvador para São Paulo e exceto pela venda dos produtos, tudo ocorreu como em outros vôos. Mas, essa postura foi absurda... Esse piloto e co-piloto não me passariam a menor confiança. Obrigada por compartilhar!

    ResponderExcluir

E você? O que pensa sobre isso?
Os comentários anônimos estão sujeitos à moderação.