Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

30 de julho de 2014

Torta de massa de pastel

         Aqui em casa todos adoram chester, desde que tenha acabado de sair do forno... e só o peito. O restante tem que ser desfiado e 'reformado'. Ou seja, essa receita é daquelas do tipo 'limpa geladeira'.

Torta de massa de pastel

Ingredientes
sobras de chester ou frango assado e desfiado
500 gr de massa de pastel (rolo)
1 cebola picada
1 dente de alho
1 tomate picado
100 gr de azeitonas picadas
100 gr de mussarela ralada
2 colheres de molho de tomate (pronto)
1 ovo
cheiro verde
azeite
sal


Modo de fazer
Torta de massa de pastel         Refogue a cebola e o alho no azeite, acrescente o frango desfiado e deixe fritar um pouco. Coloque um pouco de água para não grudar, o tomate, a azeitona, o molho de tomate, cheiro verde, sal e demais temperos que desejar. Deixe o recheio apurar e secar. Reserve.
Torta de massa de pastelTorta de massa de pastel           Unte uma forma refratária e forre com a massa de pastel sobrando nas bordas. Despeje o recheio na massa, polvilhe com o queijo ralado e dobre as sobras da massa sobre ele. Corte um outro quadrado (ou retângulo) para cobrir completamente o recheio. Decore com tiras da massa de pastel e pincele com o ovo batido. Leve ao forno médio de 25 a 30 min.

Bom apetite!
logo mala




23 de julho de 2014

20 de julho de 2014

Rubem Alves: as palavras do mestre bastam para homenageá-lo

Ipê amarelo

Os ipês-amarelos

Rubem Alves

     Uma professora me contou esta coisa deliciosa. Um inspetor visitava uma escola. Numa sala ele viu, colados nas paredes, trabalhos dos alunos acerca de alguns dos meus livros infantis. Como que num desafio, ele perguntou à criançada: "E quem é Rubem Alves?". Um menininho respondeu: "O Rubem Alves é um homem que gosta de ipês-amarelos...". A resposta do menininho me deu grande felicidade. Ele sabia das coisas. As pessoas são aquilo que elas amam.
     Mas o menininho não sabia que sou um homem de muitos amores... Amo os ipês, mas amo também caminhar sozinho. Muitas pessoas levam seus cães a passear. Eu levo meus olhos a passear. E como eles gostam! Encantam-se com tudo. Para eles o mundo é assombroso. Gosto também de banho de cachoeira (no verão...), da sensação do vento na cara, do barulho das folhas dos eucaliptos, do cheiro das magnólias, de música clássica, de canto gregoriano, do som metálico da viola, de poesia, de olhar as estrelas, de cachorro, das pinturas de Vermeer (o pintor do filme "Moça com Brinco de Pérola"), de Monet, de Dali, de Carl Larsson, do repicar de sinos, das catedrais góticas, de jardins, da comida mineira, de conversar à volta da lareira.
      Diz Alberto Caeiro que o mundo é para ser visto, e não para pensarmos nele. Nos poemas bíblicos da criação está relatado que Deus, ao fim de cada dia de trabalho, sorria ao contemplar o mundo que estava criando: tudo era muito bonito. Os olhos são a porta pela qual a beleza entra na alma. Meus olhos se espantam com tudo que veem.
      Sou místico. Ao contrário dos místicos religiosos que fecham os olhos para verem Deus, a Virgem e os anjos, eu abro bem os meus olhos para ver as frutas e legumes nas bancas das feiras. Cada fruta é um assombro, um milagre. Uma cebola é um milagre. Tanto assim que Neruda escreveu uma ode em seu louvor: "Rosa de água com escamas de cristal...".
      Vejo e quero que os outros vejam comigo. Por isso escrevo. Faço fotografias com palavras. Diferentes dos filmes, que exigem tempo para serem vistos, as fotografias são instantâneas. Minhas crônicas são fotografias. Escrevo para fazer ver.
     Uma das minhas alegrias são os e-mails que recebo de pessoas que me confessam haver aprendido o gozo da leitura lendo os textos que escrevo. Os adolescentes que parariam desanimados diante de um livro de 200 páginas sentem-se atraídos por um texto pequeno de apenas três páginas. O que escrevo são como aperitivos. Na literatura, frequentemente, o curto é muito maior que o comprido. Há poemas que contêm todo um universo.
    Mas escrevo também com uma intenção gastronômica. Quero que meus textos sejam comidos pelos leitores. Mais do que isso: quero que eles sejam comidos de forma prazerosa. Um texto que dá prazer é degustado vagarosamente. São esses os textos que se transformam em carne e sangue, como acontece na eucaristia.
     Sei que não me resta muito tempo. Já é crepúsculo. Não tenho medo da morte. O que sinto, na verdade, é tristeza. O mundo é muito bonito! Gostaria de ficar por aqui... Escrever é o meu jeito de ficar por aqui. Cada texto é uma semente. Depois que eu for, elas ficarão. Quem sabe se transformarão em árvores! Torço para que sejam ipês-amarelos...
Publicada originalmente em|:
http://www1.folha.uol.com.br/fsp/cotidian/ff2408201004.htm 

15 de julho de 2014

Cristais de Poços de Caldas


Cristais São Marcos
Interior da loja/fábrica Cristais São Marcos
             Sem dúvida o que mais gostei em Poços de Caldas foi ver os artesãos moldando o vidro para fazer vasos, flores, luminárias, bichinhos. Além das duas fábricas de cristais tipo murano (São Marcos e Cá d'Oro), há artesãos nas feiras e lojas menores da Av. João Pinheiro fazendo os bichinhos que são encantadores.

14 de julho de 2014

Quarto aniversário do blog

Quarto aniversário do blog
Quatro anos!!!!

        Um pouquinho de história:


  Quando iniciei o blog, em julho/2010, estava procurando uma distração em um período ocioso principalmente por conta das férias, mas logo em seguida (agosto/2010) decidi colocar em prática o plano que alimentava há anos de voltar a estudar.
       Enfim, esses mesmos quatro anos de blog foram quatro anos de estudos em que concluí minha segunda graduação (em espanhol), fiz duas pós-graduações e ingressei no mestrado. O que isso tem a ver com o blog?
   Nada... e tudo. Nada porque costumo dizer que a Silmara professora e a Silmara blogueira nem são a mesma pessoa de tão diferentes quanto às suas atividades. E tudo porque quanto mais me dedico aos estudos e à pesquisa, menos tempo tenho para o blog.
     Mas não vou abandoná-lo de jeito nenhum! Que seja bem vindo o 5º ano do De Turista a Viajante!

12 de julho de 2014

Índice - Ecoturismo

10 de julho de 2014

MSC Preziosa - índice de postagens

MSC Preziosa
Vista do navio ancorado no Porto de Santos
Escadaria em cristais Swarovski
Escadaria de cristais Swarovski
MSC Preziosa - Bar Deck 5
Preziosa Bar - Deck 5
   
   A quantidade de posts sobre o MSC Preziosa pode dar a impressão de que gostei mais desse navio que dos outros em que viajei (Zenith e Empress). Embora ele seja mesmo maravilhoso, a questão é bem mais simples, é que eu nem tinha ainda o blog quando fiz meu primeiro cruzeiro. Porém, por mais que escreva a respeito, há imagens do navio que dispensam descrições, por isso selecionei algumas para acompanhar o índice de postagens e vou intitular essa galeria de fotos de Navio Preziosa por ele mesmo.
MSC Preziosa - piscina
Piscina de borda infinita na popa do navio


 Índice de postagens no blog:

MSC Preziosa 
Parque aquático infantil


Escalas:

MSC Preziosa
Mesa de jantar do The Golden Lobster
                                       - Ilhéus                                          - Ilha Grande

MSC Preziosa
Piscina com cobertura retrátil

MSC Preziosa
Escada de pedras preciosas do Yacht Club




MSC Preziosa
Restaurante Eataly


MSC Preziosa
Show com as crianças

MSC Preziosa
Apresentação dos garçons na Noite de Gala





MSC Preziosa
Cassino

6 de julho de 2014

Filme: Meu passado me condena

Cena do filme Meu passado me condena
         O filme é perfeito tanto para quem já fez algum cruzeiro,  e vai reconhecer as situações hilárias, quanto para quem está pensando em fazer o seu primeiro e quer ter uma ideia do que vai encontrar. Foi gravado no Costa Favolosa durante a travessia do Rio de Janeiro até a Europa, em março de 2013.
logo mala
Leia também:

         Abaixo segue o trailler:


3 de julho de 2014

Outros parques de Orlando-Florida (fotos)


          Mais de um ano depois da viagem, reuni as melhores fotos e coloquei em dois álbuns: um de 'Parques da Disney' e um de 'Outros parques visitados', que compartilho abaixo em PDF. Hora de começar a pensar em organizar as fotos do MSC Preziosa...