Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

31 de março de 2014

Escala de navio em Salvador II

Salvador visto desde o navio ancorado no porto.
Três, das 365 igrejas de Salvador, vistas de dentro do navio.
     Em nossa escala em Salvador, fizemos um city tour em carro privativo, mas é possível ver alguns dos principais pontos turísticos da cidade bem próximos ao porto, então segue uma sugestão de caminhada.

Elevador Lacerda - Salvador - BA       

mercado Modelo - Salvador - BASaindo do Porto, de costas para ele, siga para a direita até o Mercado Modelo, que estará à esquerda. O canteiro do meio da avenida é o melhor lugar para se caminhar. 
Pelourinho - Salvador - BA     Contorne ou atravesse por dentro do mercado modelo e sairá em uma praça de frente para o Elevador Lacerda, que liga a parte baixa da cidade à parte alta.
   Subindo pelo elevador e saindo à esquerda você chegará ao Pelourinho, que é o principal ponto turístico de Salvador. Passeie à vontade e ao descer, novamente pelo Elevador Lacerda, pare no Mercado Modelo para as compras ou, quem sabe, para saborear um acarajé.


Mercado Modelo - Salvador - BA

       Eu aproveitei para comprar uma camiseta de Salvador, pois no navio aconteceria a Noite do Branco e minha mala não tinha nada dessa cor.
   O vídeo abaixo tem imagens aéreas de Salvador e seus principais pontos turísticos.
logo mala



27 de março de 2014

Escala de navio em Salvador


        Em qualquer porto que se chegue em escala de cruzeiro a oferta de passeios é grande, por isso, quem não reservou as excursões (caríssimas) do navio não tem com o que se preocupar. Mas nada se compara com o assédio no porto de Salvador que é muito maior que qualquer outro lugar.





Fitinhas do Senhor do Bonfim na igreja em Salvador.
       
       Começa dentro do porto onde são oferecidos City Tours de Vans a R$45,00 por pessoa ou carros privativos para até quatro passageiros por R$280,00. Eu resisti pois estava decidida a não contratar nenhum serviço e conhecer apenas os pontos mais próximos do porto (Mercado Modelo, Elevador Lacerda, Pelourinho). 

Pelourinho - Salvador - BA
         
       Ao sair do porto o assédio é ainda maior, para se ter uma ideia havia cordão de isolamento para separar os passageiros dos taxistas. Minha filha brincou que se sentiu como uma artista. Acabei convencida (nem sei como!) pelo Sr. Geraldo a deixá-lo nos mostrar Salvador por R$ 200,00. O calor exagerado da Bahia me ajudou a decidir trocar a caminhada pelo carro com ar condicionado e foi um ótimo negócio.

Capoeira nas ruas do Pelourinho - Salvador - BA
     


     Do porto seguimos para Igreja do Bonfim (1ª e 2ª fotos) onde ainda pegamos o finalzinho da missa, não sou católica, mas bênção nunca é demais. Tiramos fotos no contorno cheio de fitas com os pedidos dos fiéis e tentamos evitar a investida dos vendedores ambulantes de fitas, chaveiros, etc . Se quiser fazer seus pedidos, atravesse a rua na diagonal da esquina da igreja e compre 20 fitas por R$2,00 na Casa da Colina.

Farol da Barra - Salvador - BA
       
     De lá, seguimos para o Pelourinho com o Sr. Geraldo nos mostrando pelo caminho algumas das 365 igrejas de Salvador, segundo ele, uma para cada dia do ano, além dos prédios onde moram vários cantores baianos como Bel (Chiclete com Banana) e Ivete Sangalo, entre outros. Nas vielas do Pelourinho vimos a capoeira, as baianas chamando para fotografar (R$5,00) e os vários monumentos históricos.

Dique do Tororó com as esculturas dos Orixás - Salvador - BA
      
   


   Tanto na Igreja do Bonfim quanto no Pelourinho, o Sr. Geraldo nos deixou à vontade, marcando um lugar para encontro e sugerindo um horário. Não ficamos muito tempo por ali por conta do calor, além disso, o que mais há para se visitar são igrejas e todas pagas. Como eu já disse, nem sou católica...

Arena Fonte Nova -  Salvador - BAMercado Modelo _ Salvador - BA
       
      Seguimos para o Farol da Barra, onde não descemos, e continuamos o trajeto em direção à Arena Fonte Nova, um dos palcos da Copa do Mundo 2014. Passando pelo Dique do Tororó, uma área de lazer e esporte que apresenta em sua represa as esculturas de oito orixás: Iansã, Nanã, Ogum, Oxalá, Xangô, Iemanjá, Oxum e Oxossi. 




      
    Terminamos o passeio de aproximadamente 3 horas de duração no Mercado Modelo, onde nos despedimos do Sr. Geraldo que eu indico tranquilamente para quem visitar Salvador. Foi muito bom visitar a capital baiana com um soteropolitano legítimo.




Taxista para serviço de city tour em Salvador - Bahia


Contato:
Geraldo Silva
(71) 99738817


Obs: Valor do city tour oferecido no navio USD39,90
logo mala



Leia também: Escala de navio em Salvador II

23 de março de 2014

Frango ao creme de cebola

Receita de frango ao creme de cebola.

Ingredientes
1 kg de peito de frango desossado
1 pacote de creme de cebola (pó para preparo de sopa)
3 colheres de maionese
sal

Modo de fazer
Limpe o peito de frango e corte em pedaços grandes. Tempere com sal e misture a maionese, besuntando cada pedaço. Acrescente o creme de cebola (pó) e misture bem. Coloque em forma refratária untada e cubra com papel alumínio. Leve ao forno médio por aproximadamente 40 minutos, tire o papel alumínio e deixe dourar por mais 20 minutos. Sirva com farofa de cenoura e arroz branco. A pimenta biquinho (que não arde) dá um gosto especial ao prato.

20 de março de 2014

Índice de postagens - Fazendo as malas

19 de março de 2014

Gramado bom, bonito e barato!

Atrações de Gramado - RS

            Gramado geralmente é um destino caro, principalmente em julho (inverno) e novembro a janeiro, meses em que acontece o Natal Luz. Os preços altos estão por todos os lugares e serviços: hotéis, restaurantes, transporte, ingressos, passeios... tudo! Na contramão desse alto custo, estava procurando uma viagem para julho em que gastássemos pouco; ao mesmo tempo estava devendo às minhas filhas levá-las para conhecer Gramado, pois apenas eu e meu marido estivemos por lá em agosto/2012.
            E não é que com um pouquinho de pesquisa e paciência consegui juntar estes interesses? Em julho ficaremos 5 noites em Gramado, viajando pela TAM desde Ribeirão Preto até Porto Alegre, por R$3.254,08 os quatro, ou seja, R$813,52 por pessoa com aéreo + hotel, e ainda dividido em 6x no cartão. Pela Azul Viagens esse roteiro custaria R$ 2065,07 por pessoa e pela CVC R$2231,00.
          O planejamento é a chave para pagar menos, quanto mais cedo for comprada a passagem aérea, mais barato será. Comprei as nossas direto no site da TAM no início de março para viajarmos em julho, pagando R$151,00 de Ribeirão Preto a Gramado. O total (com taxas) das passagens de ida e volta para os quatro foi de R$1362,08.
             O hotel reservei pelo Gramado Site que tem descontos e promoções bem interessantes. Embora a cidade seja pequena e fácil de se localizar, o frio e o sobe e desce das ruas irregulares (estamos em plena serra!) não são muito atrativos para caminhadas, por isso escolhemos um hotel no centro, o Glamour da Serra, onde 5 noites em quarto quádruplo custou R$1892,20, assim como a parte aérea, valor dividido também em 6x.
             Outro item que encarece a viagem à Gramado é que a cidade não tem aeroporto, os mais próximos são os de Caxias do Sul (70km) ou de Porto Alegre (115km). Em Caxias do Sul operam apenas a Gol e a Azul, que estavam com preços bem mais altos que a TAM, por isso desta vez nossa opção foi por Porto Alegre. Um táxi do aeroporto de POA à Gramado custa R$378,00, por isso é interessante procurar antes por serviços de transfer, eu encontrei um por R$250,00 (para 4 pessoas) o que já é uma boa economia.
              Enfim, quanto mais economia agora, mais tranquilidade para usufruir de tudo que Gramado tem a oferecer quando chegarmos lá.

Leia também:
Às vezes o barato sai caro: Perdi o voo e a confiança na TAM
logo mala

15 de março de 2014

Shows do MSC Preziosa

Estou tentada a começar essa postagem com 'na minha opinião...' e assim evitar polêmicas desnecessárias. Não... deixa pra lá...

Shows dos navios da MSC Cruzeiros
       Os shows no MSC Preziosa deixam a desejar. 

   Não pela riqueza dos figurinos, nem pela qualidade artística do elenco, mas porque são extremamente curtos, não passam de 30 minutos, e focam toda a atenção nos cantores e não no corpo de baile.
Shows dos navios da MSC Cruzeiros

     
     Para a grande maioria do público os movimentos dos bailarinos no palco são muito mais atrativos que os intérpretes sozinhos por melhor que sejam suas vozes, a não ser que se trate de Roberto Carlos que escolheu o Preziosa para o "Emoções em Alto Mar", na edição de 2014.



Shows dos navios da MSC Cruzeiros
       
     
   Além disso, os shows são tão estilizados que abandonam o essencial de cada tema. Embora fique clara a intenção de sair do óbvio e inovar, toda a plateia fica na expectativa de ver, por exemplo, uma coreografia da Tarantella no show em homenagem à Itália, e sai do teatro frustrada.
Shows dos navios da MSC Cruzeiros
       
   
   Na noite dedicada ao Egito também não há um número de dança do ventre e no tributo ao grupo Queen as canções mais famosas dão lugar a composições pouco conhecidas. Fiquei inconformada que I want break free foi apenas lembrada no refrão.



Shows dos navios da MSC Cruzeiros
     
   

   Pelo menos no show dedicado ao Brasil tem samba, mas o diretor do cruzeiro já prepara a plateia antes avisando que é uma homenagem dos italianos ao Brasil e não um show brasileiro. Os bailarinos imitando pássaros lembram o filme Rio e uma intérprete brasileira faz um pout-pourri de canções da MPB. Foi um dos melhores.


Shows dos navios da MSC Cruzeiros

     

     Além de cantores e bailarinos, há malabaristas, acrobatas, contorcionistas e números de força e equilíbrio com excelentes artistas, num estilo que combina Broadway com Cirque du Soleil, tudo junto e misturado em cada noite de apresentação.


Shows dos navios da MSC Cruzeiros




     

    Os shows são apresentados duas vezes por noite. Quem janta no 2º turno assiste ao primeiro show e vice-versa. As apresentações ficam 'em cartaz' durante um ano inteiro no navio, portanto, se nesse período alguém viajar mais de uma vez no Preziosa assistirá aos mesmos shows, que são seis e na última noite são apresentados trechos de cada um deles (não os melhores).

Shows dos navios da MSC Cruzeiros

- The witches of Paris (França)
- Sogno Italiano (Itália)
- Land of the Pharaohs (Egito)
- País Maravilhoso (Brasil)
- Show must go on (Tributo Queen)
- Pandora (Avatar)
- The Best of... (repetição de alguns números)

- Há também um show infantil, apresentado à tarde que não passa de 15 min, é o Doremi Live Show.

camarins dos Shows dos navios da MSC Cruzeiros
         
   


    Fomos conhecer os bastidores e ver de perto a riqueza dos figurinos, é muito interessante ver o que acontece por trás das cortinas do mundo dos espetáculos. 
Shows dos navios da MSC Cruzeiros

     


    Não são shows ruins, mas com tantos recursos e talentos disponíveis poderiam ser bem mais interessantes.

logo mala

10 de março de 2014

Sabores do MSC Preziosa

Confeitaria do MSC preziosa
              O bolo ao lado é apenas cenográfico, mas todas as demais fotos do post são de sabores reais do MSC Preziosa que podem ser resumidos como "Sabor da Itália". 
      A fotos dos bolos foi tirada na padaria do navio, durante o Ship Tour.

Tiramisu do jantar italiano no navio MSC Preziosa
       É impossível esquecer que o cruzeiro acontece em um navio italiano, seja pelos detalhes da decoração, pelas massas frescas no menu (são produzidas no navio) ou as sobremesas típicas italianas, como o tiramisu.

Opção do cardápio do MSC Preziosa  O jantar a la carte é servido em dois restaurantes: The Golden Lobster L'Arabesque. São dois turnos de jantar, às 20h e às 22h, o passageiro decide no momento de comprar o pacote qual turno prefere (1º ou 2º) e seu cartão de bordo tem a informação impressa do restaurante em que jantará durante toda a semana.
Opção do cardápio do MSC Preziosa         Também há a opção de jantar no Buffet Inca e Maya, que fica no mesmo deck das piscinas (14º) e serve todas as refeições, das 6h (manhã) às 2h30min (madrugada). Quem opta por ele, vai da piscina direto para o almoço ou jantar, já que o ambiente é bem descontraído, porém, tem que abrir mão de algumas delicias caprichosamente servidas, como essas das fotos.

Opção do cardápio do MSC Preziosa
       
    A comida do Inca e Maya também é saborosa, mas bem menos variada e requintada. O sistema de self service e o enorme restaurante sempre lotado faz com que se fique rodando com o prato nas mãos procurando por uma mesa. Eu prefiro o glamour dos outros dois.

Opção do cardápio do MSC Preziosa
        O único 'porém' é que o L'Arabesque é para quem acorda cedo e consegue ser mais regrado, mesmo em férias. O café da manhã é servido das 7:30h às 9:30h e o almoço das 12:30h às 14h. Mas vale a pena, só nos restaurantes a la carte se encontra a panna cotta, mais uma sobremesa típica italiana (ao lado).

Opção do cardápio do MSC Preziosa
      O jantar servido nos restaurantes exige um pouco mais de cuidado com a aparência que no buffet, mas em compensação reserva surpresas como o merengue que entra no salão com uma chama acesa sobre ele, apresentado em conjunto pelos garçons.
Opção do cardápio do MSC Preziosa
      
          Há uma particularidade do L'Arabesque: como ele é difícil de ser encontrado, virou até piada da equipe de animação no último dia dizendo que alguns passageiros não jantaram durante toda a semana porque não acharam o restaurante. O segredo é atravessar o deck 7 até a popa do navio e descer os dois lances de escada até o deck 6. Há algumas plaquinha para ajudar. Pronto chegou!

Sorvete italiano do MSC Preziosa
       
       E as delícias não terminaram... ainda tem o sorvete de massa italiana preparado no próprio navio sob a supervisão de um mestre sorveteiro da Itália. Só experimentando para entender a diferença. Imperdível!
Jantar no MSC Preziosa
         
       E os vinhos!? Ah, os saborosos vinhos italianos para todos os paladares. Ficamos tão fãs do Bonarda que trouxemos um para casa.


Vinhos italianos



  

    

    

   Na verdade trouxemos um Bonarda, um Merlot e um Trebbiano, a preços bem interessantes. Foram boas compras.






Produtos para venda no restaurante Eataly do navio MSC Preziosa
          Outros sabores para trazer para casa são os produtos italianos do restaurante Eataly que, além de vinhos, tem doces, geleias, enlatados e produtos secos.  Agora pare e pense se é fácil se manter na dieta em um cruzeiro no Preziosa.
logo mala

8 de março de 2014

Como as mulheres dominaram o mundo - L. F. Veríssimo

Mulheres executivas

         Conversa entre pai e filho, por volta do ano de 2031, sobre como as mulheres dominaram o mundo: 
     - Foi assim que tudo aconteceu, meu filho... Elas planejaram o negócio discretamente, para que não notássemos. Primeiro elas pediram igualdade entre os sexos. Os homens, bobos, nem deram muita bola para isso na ocasião. Parecia brincadeira. Pouco a pouco, elas conquistaram cargos estratégicos: Diretoras do Orçamento, Empresárias, Chefes de Gabinete, Gerentes disso ou daquilo... 
             - E aí, papai? 
         - Ah, os homens foram muito ingênuos...! Enquanto elas conversavam ao telefone durante horas a fio, eles pensavam que o assunto fosse telenovela... Triste engano... De fato, era a rebelião se expandindo nos inocentes intervalos comerciais. "Oi querida!", por exemplo, era a senha que identificava as líderes. "Celulite" eram as células que formavam a organização. Quando queriam se referir aos maridos, diziam "O regime". 
        - E vocês? Não perceberam nada? 
        - Ficávamos jogando futebol no clube, despreocupados. E o que é pior: continuávamos a ajudá-las quando pediam: carregar malas no aeroporto, consertar torneiras, abrir potes de azeitona, ceder a vez nos naufrágios, calibrar pneus... Essas coisas de homem. 
         - Aí, veio o golpe mundial, Pai!? 
         - Sim, o golpe. O estopim foi o episódio Hillary- Mônica. Uma farsa. Tudo armado para desmoralizar o homem mais poderoso do mundo. Pegaram-no pelo ponto fraco, coitado. Já lhe contei, né? A esposa e a amante, que na TV posavam de rivais eram, no fundo, cúmplices de uma trama diabólica. Pobre Presidente... 
          - Como era mesmo o nome dele, Papy? 
    - William, acho. Tinha um apelido, mas esqueci... Desculpe, filho, já faz tanto tempo... 
          - Tudo bem, papai. Não tem importância. Continue... 
        - Naquela manhã a Casa Branca apareceu pintada de cor-de-rosa. Era o sinal que as mulheres do mundo inteiro aguardavam. A rebelião tinha sido vitoriosa! Então elas assumiram o poder em todo o planeta. Aquela torre do relógio em Londres chamava-se Big-Ben, e não Big-Betty, como agora... Só os homens disputavam a Copa do Mundo, sabia? Dia de desfile de moda não era feriado. Essa Secretária Geral da ONU era uma simples cantora... Depois trocou o nome, de Madonna para Mandona... 
          - Pai, conta mais... 
        - Bem filho... O resto você já sabe. Instituíram o Robô Troca-Pneu como equipamento obrigatório de todos os carros... A Lei do Já-Prá-Casa, proibindo os homens de tomar cerveja depois do trabalho... E, é claro, a famigerada semana da TPM, uma vez por mês... 
          - TPM??? 
      - Sim, TPM... "Temporada Provável de Mísseis..." É quando elas ficam irritadíssimas e o mundo corre perigo de confronto nuclear.... 
         - Sinto um frio na barriga só de pensar, pai... 
        - Iiissshhh! Escutei barulho de carro chegando. Disfarça e continua picando essas batatas, filho!
logo mala


5 de março de 2014

A foto mais tradicional de Búzios

           Cada roteiro turístico tem aquele 'lugar comum' que vai aparecer em todos os álbuns de viagem. Quem vai a Paris fotografa na Torre Eiffel, na Itália segura a Torre de Pisa, na Disney fotografa em frente ao castelo da Cinderela, quem vai ao Rio de Janeiro posa com os braços abertos diante do Cristo Redentor e quem vai a Búzios se senta ao lado de Brigitte Bardot para levá-la para casa como recordação.
             
Foto com estátua de Brigitte Bardot em Búzios - RJ

               Encontrei um vídeo interessante que conta um pouco da passagem da atriz francesa pelo Brasil, em especial suas passagens por Búzios que ajudaram a tornar suas praias conhecidas mundialmente.



Veja também as câmeras ao vivo em Búzios, uma delas na estátua de Brigitte Bardot.

4 de março de 2014

Índice - crônicas de viagem

Clipart de avião sobrevoando o globo terrestre


- Pequenas felicidades - Martha Medeiros - Minhas pequenas felicidades
- Pardon anything - Desculpa alguma coisa - Gregório Duvivier
- Viajar para dentro - Martha Medeiros
- 10 sinais de que você é viciado em viagens
- SOS Mulheres ao Mar 2 (Trailler de filme)
- Um universo chamado aeroporto - Martha Medeiros
- Chico Buarque de Orlando (vídeo) -  Tá no Ar
- As mulheres de 30 - Mário Prata
- A capacidade de se encantar - Martha Medeiros
- Family Cruise: Tá no ar (vídeo)
- A história da Páscoa contada pelas crianças
- Fernando de Noronha, por Sig Bergamin
- O primeiro Natal contado pelas crianças
- A história mais ou menos, Luís Fernando Veríssimo
- S.O.S. Mulheres ao mar (trailler de filme)
- Os ipês amarelos, Rubem Alves
- Meu passado me condena (trailler de filme)
- Guia do carnaval, Luís Fernando Veríssimo
- Os turistas secretos, Moacyr Scliar
- Comissário de bordo super sincero (vídeo)
- Como as mulheres dominaram o mundo, Luís Fernando Veríssimo
- O melhor amante de minha mulher, Fabrício Carpinejar
- Em defesa da rota turística, Jess Lee
- Fugindo da folia, Danuza Leão
- Floripa, não, Florianópolis, Mário Prata
- Coxinhas douradas de Bueno de Andrada,  Ignácio de Loyola Brandão
- O mistério do futebol, Luís Fernando Veríssimo
- O Brasil para os brasileiros, Diogo Mainardi
- Sozinha e sem encomendas, Danuza Leão
- Junto e misturado: avião (vídeo)
- O inferno da Disney, Fernanda Torres
- Viajar, viajar, João Ubaldo Ribeiro
- A viagem dos outros, Gabriela Aguerre
- Emergência, Luís Fernando Veríssimo
- A outra noite, Rubem Braga
- Empurre, Ricardo Freire
- Parada obrigatória, Moacyr Scliar
- Um dia de merda, autor desconhecido
- O menor conto de fadas do mundo, autor desconhecido
- Quem é você no carnaval? Luís Fernando Veríssimo
- Antes e depois, Luís Fernando Veríssimo
- Férias, Luís Fernando Veríssimo
- The summer is tragic, Rosana Hermann
- Minhas férias, Luís Fernando Veríssimo
logo mala