Frutas do Mercadão de São Paulo

ESCRITO POR: sábado, agosto 04, 2018 ,

Frutas do Mercadão de São Paulo

        O Mercado Municipal de São Paulo é um dos pontos turísticos mais tradicionais da capital paulista, visita obrigatória para quem está turistando e quer aguçar todos os sentidos: ver os 72 vitrais do artista russo Conrado Sorgenicht que retratam a agropecuária brasileira, sentir os aromas dos temperos exóticos, o sabor do famoso pão com mortadela, ouvir os chamados nas bancas de frutas e experimentar suas texturas incríveis.
Frutas híbridas
         Ah, as frutas!! Nas dezenas de barracas estão os maiores e mais lindos morangos, cajus, ameixas, jambos, mangas, etc... mas não só. Se estiver em dúvida entre a pera ou a maçã, escolha a 'pera-maçã' (ou pera-nashi, entre outras denominações). Prefere kiwi ou banana? Fique com os dois, no mercadão você encontra o kiwi-banana (kiwi gold). São as frutas híbridas, resultado do cruzamento de duas frutas similares para se tornar uma outra, dois sabores em um só alimento. Já conhece a tayberry, resultado da união da amora e da framboesa? E a atemoia? Mistura da pinha com a cherimoia, ambas da família da graviola, a atemoia é valorizada por atuar no controle da pressão arterial e por beneficiar a saúde muscular.

Frutas do Mercado Municipal de São Paulo

          O preço dessas delícias não é tão doce quanto seus sabores, a maioria das bancas de frutas tem preço único: R$80 o kg de qualquer uma delas ou, como preferem anunciar os comerciantes 'apenas' R$8 cada 100gr de qualquer uma das frutas. Na foto acima a minha humilde bandejinha com dois kiwis-banana, meia dúzia de morangos e meia dúzia de tâmaras custou (ai!!)... R$79!!
        Para atrair clientes dispostos (ou desavisados) para pagar esse valor, o assédio dos comerciantes é grande e tentador. Eles interrompem sua caminhada pelo Mercadão oferecendo a degustação 'sem compromisso' das frutas. Eu experimentei kiwi-banana, pera-maçã, atemoia, pitaya branca, uva sem semente, tâmara e morango, aliás, 'bombom de tâmara': a fruta (que é uma das mais doces do mundo) partida ao meio e recheada com fatias de morango... hummm... muito, muito bom!
         Cada fruta oferecida vem acompanhada de explicações sobre sua origem e seus benefícios para a saúde. Difícil escolher qual a mais saborosa e sair dali sem uma bandejinha, principalmente porque depois de experimentar tantas delícias fica um tanto constrangedor se desvencilhar do vendedor, sem efetuar nenhuma compra. Por isso, já sabe... depois dos doces sabores vêm os preços salgados, então... prepare-se.
logo mala
Leia também:
- Mercado Municipal de São Paulo (um pouco de história)

Poderá gostar também de:

Poderá também gostar de:

0 comentários

E você? O que pensa sobre isso?
Os comentários anônimos estão sujeitos à moderação.