Aquário de Vancouver - Canadá

ESCRITO POR: sábado, outubro 06, 2018

Aquário de Vancouver

          Vamos começar logo pela polêmica causada por animais em cativeiro e por nosso imenso respeito aos grupos que defendem os direitos dos animais. Se visitamos e divulgamos esse e outros aquários pelo mundo é porque acreditamos na necessidade de cuidar dos animais capturados no passado e que hoje não teriam como sobreviver em seus habitats naturais. Existem mais de 200 aquários pelo mundo na mesma situação: não é possível simplesmente acabar com eles, principalmente porque animais continuam a chegar, não mais capturados, mas 'resgatados' de situações de risco provocadas pela ação humana. Manter e cuidar desses animais custa muito dinheiro, por isso, o Vancouver Aquarium ressalta que seu ingresso (USD38) é uma forma de apoiar os esforços de proteção aos animais marinhos.    
Aquário de Vancouver
      
         O Aquário de Vancouver, inaugurado em 1956, foi o primeiro aquário público do Canadá e até hoje é o maior aquário canadense. São mais de 50 mil animais divididos em ambientes que, em alguns casos, replicam seus habitats naturais que vão do ártico à floresta tropical. As belugas, baleias brancas típicas das águas geladas do norte do Canadá, por exemplo,  são as grandes estrelas do aquário com seus shows de doçura diários. Já a  Galeria Graham Amazon, recria a floresta tropical sul-americana e  exibe a diversidade aquática e terrestre da Amazônia, convidando os visitantes a conhecerem os assustadores animais rastejantes, as aves, os peixes... além das iniciativas de conservação que a instituição desenvolve no Brasil ensinando os nativos a fazerem da captura de peixes ornamentais uma forma sustentável de manter essa prática como atividade econômica.
Aquário de Vancouver


         Desde 1996, o aquário de Vancouver assumiu o compromisso público de não mais capturar da natureza baleias, golfinhos e botos para exibição. A partir de então, os animais que chegam são nascidos em outros aquários ou então resgatados em situações vulneráveis. O grande símbolo dessa atenção aos animais em risco é Helen, um golfinho de face branca, resgatado na costa do Japão depois de ficar emaranhado em uma rede de pesca. Seus ferimentos impediam que ela fosse devolvida ao mar e, por isso, foi levada para o aquário de Vancouver. Agora ajuda os pesquisadores a entender como os golfinhos utilizam o som para se localizar embaixo d'água. Ainda sob essa pegada de conscientização ambiental, o aquário desenvolve uma campanha que busca diminuir o consumo de plástico no mundo, mostrando os malefícios do material para as criaturas marinhas. Você pode assumir o compromisso contra o uso do plástico clicando aqui e depois vai receber um e-mail de confirmação e vídeos educativos. Na contramão dessa iniciativa, a loja de souvenirs na saída do aquário vende vários objetos de plástico, comece por aí e evite a compra.
Aquário de Vancouver
         
        O aquário de Vancouver também tem morsas, leões-marinhos, lontras-marinhas, golfinhos, pinguins, tartarugas e muitas outras espécies. Há apresentações diárias que explicam sobre as características desses animais, por isso, procure pela programação do dia de sua visita, para se informar sobre os horários e as atividades que mais interessarem a você. O mapa do aquário também vai ajudar a se localizar e não perder nada. Para quem quer conhecer ainda mais, há experiências de bastidores com os animais com valores variando entre USD35 e USD160. A atividade mais concorrida (aquela que forma filas) é a apresentação de um filme em 4D sobre tubarões (4D Experience - Shark), uma experiência sensorial com sons, cheiros, temperaturas... que a tornam muito realista. O aquário de Vancouver é uma boa opção de atração em qualquer época do ano e para a família toda, mas principalmente para quem estiver com crianças. Elas vão amar!
Aquário de Vancouver
Serviço

Endereço: 845 Avison Way, Vancouver 

Ingressos: USD38. Descontos para adolescentes de 13 a 18 anos, estudantes e maiores de 65 anos (USD30); crianças de 4 a 12 anos (USD21); grátis para crianças de 0 a 3 anos.
logo mala
Leia sobre outros aquários que visitamos

Poderá gostar também de:

Poderá também gostar de:

0 comentários

E você? O que pensa sobre isso?
Os comentários anônimos estão sujeitos à moderação.