Casa de Santos Dumont, em Petrópolis

ESCRITO POR: sexta-feira, novembro 09, 2018

Casa de Santos Dumont

         Essa é a maquete de 'A Encantada', a única casa que Santos Dumont projetou para si mesmo em sua vida. A casa original, um chalé em estilo alpino francês, fica em Petrópolis-RJ, onde o 'Pai da Aviação' passava temporadas de verão, embora sua terra natal seja Cabangu, em Minas Gerais.
          O Museu Casa de Santos Dumont é o segundo ponto turístico mais visitado de Petrópolis, ficando atrás apenas do Museu Imperial, antiga residência da família real no Brasil. Embora seja mesmo cheia de encantos, o nome se deve à localização escolhida por Santos Dumont para a construção que data de 1918, a Rua do Encantado, n.22.

Casa de Santos Dumont

       Entre os encantos que podem ser vistos em "A Encantada" estão a maquete e a planta original da casa, objetos e móveis originais, o engenhoso chuveiro improvisado com um balde dividido ao meio que despejava água quente ou fria, um dos famosos chapéus com abas moles, cartas, documentos, maquetes de aeromodelos e muita, muita informação sobre o "Pai da Aviação", até mesmo sobre a polêmica de que os primeiros a voarem em um objeto mais pesado que o ar foram os americanos Irmãos Wright, três anos antes do brasileiro em seu histórico voo a três metros do chão, em Paris, em 1906.
         De acordo com a versão brasileira que, claro, quer que o título de "Pai da Aviação" fique com nosso mineiro Santos Dumont, a construção dos Irmãos Wright não pode ser considerada como o primeiro avião pois foi testada sem a presença de testemunhas e era lançada por catapulta. Segundo descrição do Museu Aeroespacial, no Rio de Janeiro, Dumont construiu “o primeiro avião mais pesado que o ar a conseguir decolar por seus próprios meios”.
Casa de Santos Dumont

         Embora esse seja um título histórico importantíssimo, Santos Dumont é responsável por várias outras invenções, entre elas, o relógio de pulso (encomendado para a joalheria Cartier) e o conceito de hangar, o grande galpão que funcionava como oficina de seus dirigíveis, além, claro, das 'invencionices' que incluiu na construção de sua própria casa, algumas controversas como a escadaria acessada apenas com o pé direito. Diz a 'lenda' que essa curiosidade deve-se às superstições do inventor que entrava em todos os locais sempre com o pé direito, porém, existe outra hipótese para os degraus em forma de pá: seriam simplesmente para economizar espaço.
         Ainda sobre as escadarias, o que há de fato incontestável é que tornam a visita um tanto inacessível a pessoas com dificuldade de mobilidade. Já no Centro Cultural 14 Bis, anexo ao museu, existe maquete tátil, DVD em libras e catálogo em braile para que portadores de necessidades especiais possam acessar as informações. Por conta das escadas externas, a visita em dia de chuva (como nós fizemos) não é a mais indicada tanto por conta dos degraus íngremes e escorregadios, quanto pelas corridinhas na chuva entre a casa principal e o anexo. Mas... se for sua única oportunidade para conhecê-la, vá com chuva mesmo.
Casa de Santos Dumont

Serviço
Site: http://www.petropolis.rj.gov.br/turispetro/
Rua do Encanto, 22 – Centro - 
Petrópolis, RJ
Telefone: (24) 2247-5222 | (24) 2247-3158
Horário: de terça-feira a domingo, das 9h30min às 17h. 
Valor: R$8 (inteira); R$4 (meia).

Mais sobre Santos Dumont

Praça 14 Bis

        Uma figura tão célebre, com certeza seria lembrada em outros espaços da cidade. Por exemplo, na Praça 14 Bis, bem perto do museu, fica uma réplica do aeromodelo com 75% do tamanho original da invenção mais famosa de Santos Dumont. Foi instalada em 2006, no centenário do primeiro voo do 14 Bis e produzida pela empresa local GE-Celma, especializada no serviço de reparo de turbinas de avião. 

Museu de Cera de Petrópolis
      
      No Museu de Cera de Petrópolis, o ilustre morador da cidade recebe os convidados ao lado de D. Pedro II e da Princesa Isabel.

Monsieur Dumont
     Já no restaurante Mousieur Dumont (Rua do Imperador n° 1015 -  Centro Histórico) acontece uma vez por mês o 'Café com Seu Dumont', em que um ator interpreta o inventor contando segredos e curiosidades sobre sua vida, enquanto os visitantes saboreiam um café colonial com deliciosas receitas, entre elas a sobremesa predileta de Dom Pedro II que foi servida pela Princesa Isabel a Santos Dumont no dia em que se conheceram em Paris. 
      Por falar em restaurantes, Santos Dumont os conhecia muito bem, pois era deles que vinham todas as suas refeições. A casa projetada por ele nem mesmo tem cozinha. Certamente ele aprovaria a comida do Monsieur Dumont; nós gostamos muito. Quando estiver em Petrópolis, informe-se sobre a data do café (que não é fixa) e se não der a sorte de poder participar, passe por lá para um delicioso almoço.
Cerveja que homenageia o 14 Bis

       A tradicional cervejaria Bohemia também homenageou o pai da aviação inspirando-se em sua mais famosa criação para dar nome à premiada cerveja de trigo 'Bohemia 14 Weiss'. Uma cerveja leve, refrescante e com aroma frutado que lembra banana e cravo.

Prêmios
- 2017 Prata na etapa Brasil do World Beer Awards
- 2016 Bronze na Copa Cervezas de América

Dreamland - Foz do Iguaçu

       Você sabia? Santos Dumont é o padrinho de honra das Cataratas do Iguaçu, pois se encantou com o local em 1916, quando as terras eram uma propriedade particular e convenceu o governo do Paraná a desapropriar a área onde foi criado, em 1939, o Parque Nacional do Iguaçu, que possui uma estátua do aviador. Também em Foz do Iguaçu, há uma estátua de cera no Dreamland, no espaço Maravilhas do Mundo.
logo mala

Poderá gostar também de:

Poderá também gostar de:

0 comentários

E você? O que pensa sobre isso?
Os comentários anônimos estão sujeitos à moderação.